Quando abrem o saco que choramingava na lata do lixo, eles perdem o fôlego vendo o que tem dentro.

O grupo de apoio animal Sul Coreano, Nabiya Irion Project, ficou chocado quando encontrou este saco plástico choramingando em uma lata de lixo.
chichi1
É uma filhote de labrador que foi severamente maltratada. Tudo por causa de uma especialidade da culinária coreana chamada gaegogi. Apesar deste prato estar sendo consumido cada vez menos, algumas pessoas na Coréia ainda apreciam uma refeição de carne de cachorro. Era este o destino reservado à esta cadelinha. Ela foi forçada a comer para engordar e ganhar peso rápido para ser abatida posteriormente. Para sua carne ficar mais “suculenta”, eles a penduraram pelas patas. Nesta situação, no entanto, as cordas cortaram sua pele profundamente e não demorou muito, o pobre animal estava amarrado literalmente pelos ossos. Quando as feridas infeccionaram, ela não tinha mais serventia para a cozinha e eles simplesmente a descartaram.
chichi2
Os salvadores ficaram chocados quando resgataram o animal daquele saco preto na lata de lixo. A pobrezinha estava em condições miseráveis e quase morta. Ela foi levada imediatamente para uma clínica de emergência e operada, mas os médicos não puderam evitar a amputação de suas patas.
chichi3

Mas ela sobreviveu! Aos poucos ela se recuperou e recobrou as forças. Quase ninguém esperava que Chi Chi, como agora é conhecida, fosse tão corajosa. Ela até tenta dar alguns passos sem suas patas.
chichi4

Após alguns meses, a doações permitiram que ela recebesse próteses e, lentamente, ela aprendeu a andar novamente.
chichi5

A organização americana, ARME, em parceria com a coreana, rapidamente ficou sabendo sobre Chi Chi e conseguiu que ela fosse trazida para seu novo lar no Arizona, Estados Unidos. Ela percorreu um longo caminho até aqui, e deixou para trás seu passado doloroso, sendo bem recebida em sua nova família. Pela primeira vez, ela sente a grama fresca e o cheiro do mato.
chichi6

À medida que ela vai crescendo e suas “patas substitutas” já não cabem mais, ela recebe novas próteses, para aprender a correr no futuro. O veterinário afirma que elas são ideais para que Chi Chi ande por aí livremente.
chichi7

Ela irradia alegria quando anda pela grama. É difícil imaginar tudo o que ela passou. Sua nova família, com certeza, dá a ela um bom lar. É maravilhoso que ela esteja agora em boas mãos e possa deixar o sofrimento para trás.
chichi8

Felizmente, a história de Chi Chi teve um final feliz. Foi muita sorte ela ter sido resgatada, recebido as próteses e agora, poder viver uma vida feliz sem dor e tortura.

Via: Não Acredito

DEIXE SEU COMENTÁRIO

comentários

Recomendados Para Você: